A Narcisista do Segundo Sexo V


«Da robusta menina que eu era, de membros delicados mas bem-feitos, de faces rosadas, fiquei com este carácter físico mais frágil, mas nebuloso, que fez de mim uma adolescente patética, a despeito da fonte da vida que pode jorrar do meu deserto, da minha fome, das minhas breves e misteriosas mortes tão estranhamente como do rochedo de Moisés. Não me vangloriarei da minha coragem, como teria o direito de fazê-lo. Assimilo-a às minhas forças e possibilidades. Poderia descrevê-la como se diz: tenho olhos verdes, cabelos pretos, mão pequena e forte…». 

-------------------------------------------------- 
(Simone de Beauvoir, in “O Segundo Sexo 2” (LER), Quetzal, Lisboa, 2015, p. 476).